JUSTIÇA

José de Abreu é processado por causa de tuíte sobre Bolsonaro

Hospital Israelita Albert Einstein anunciou que tomará medidas legais contra o ator

12/01/2019 11h30
Por: Costa
Fonte: Folhapress
388
© Divulgação/ TV Globo
© Divulgação/ TV Globo

O hospital Israelita Albert Einstein anunciou que irá processar o ator global José de Abreu, 72, por conta de um tuíte onde ele acusa a instituição de ter apoiado o atentado contra o então candidato à Presidência Jair Bolsonaro (PSL).

"Teremos um governo repressor, cuja eleição foi decidida numa facada elaborada pelo Mossad, com apoio do hospital Albert Einstein, comprovada pela vinda do PM israelense, o fascista matador e corruptor Bibi. A união entre a igreja evangélica e o governo israelense vai dar m*", dizia a postagem em questão, publicada por Abreu no dia da posse de Bolsonaro como presidente do Brasil e apagada minutos depois.

Em nota, o hospital qualifica a acusação como "grave, insultuosa e infundada", além de afirmar que tomará medidas judiciais contra Abreu, para "zelar por seu compromisso com a sociedade brasileira".

Durante a corrida eleitoral, Abreu, que apoiou Fernando Haddad (PT) no segundo turno, chegou a se indispor com a colega de canal Regina Duarte, por seu apoio a Bolsonaro. "Não respeito artista que apoia fascista", afirmou na ocasião.

Com informações da Folhapress.

 

 

Siga nosso blog no Facebook/blogdocosta  no Twitter @blogdocosta 

 

 

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
São Luís - MA
Atualizado às 23h11
23°
Muitas nuvens Máxima: 32° - Mínima: 23°
23°

Sensação

17.8 km/h

Vento

78.4%

Umidade

Fonte: Climatempo
Anúncio
Municípios
ANUNCIO NA FAIXA POLITICA
ANUNCIE AQUI
Últimas notícias
Anuncio na faixa esporte
Mais lidas
Anuncio faixa policia
Anúncio